Febraban apresenta proposta a bancários e greve pode ser encerrada

grevebanco-2016

A Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) apresentou nesta quarta-feira, 5, ao Comando Nacional dos Bancários, durante a 10ª rodada de negociação, uma nova proposta de reajuste de 8% mais abono de R$ 3,5 mil, informou o sindicato do Bancários da Bahia. A greve dos bancários completou nesta quarta 30 dias.

Ainda com informações do sindicato, para o vale alimentação, o índice oferecido é de 15% e o vale refeição e o auxílio creche/babá, 10%. Os valores são retroativos a 1º de setembro, data-base da categoria. Já o abono será pago em uma única parcela, até 10 dias após a assinatura da Convenção Coletiva de Trabalho.

Aobre a PLR (Participação nos Lucros e Resultados) a Fenaban mantém o reajuste de 8% no valor fixo e na parcela adicional. Ou seja, a regra básica continua a mesma, 90% do salário mais R$ 2.183,53, limitado a R$ 11.713,59. A parte adicional é de 2,2% do lucro líquido distribuídos linearmente, limitado a R$ 4.367,07, divulgou o sindicato.

O modelo de acordo segue o mesmo apresentado na negociação passada, com validade de dois anos. Portanto, para 2017 as empresas oferecem a reposição da inflação entre setembro de 2016 e agosto de 2017 mais 1% de aumento real. Para a PLR serão aplicadas as mesmas regras deste ano.

A negociação ainda não foi encerrada e os bancários não se posicionaram sobre a nova proposta apresentada.
UOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *