Foragida, suspeita de esquartejamento em Girau do Ponciano tem 19 anos

suspeita-esquartejamento

Em coletiva realizada nesta segunda-feira (17), a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP-AL) divulgou a imagem de Thayse Nascimento Duarte, apresentada como suspeita de ser responsável pelo esquartejamento de Genaldo dos Santos, ocorrido em Girau do Ponciano, Agreste de Alagoas.

Segundo informações divulgadas pela polícia, Thayse teria decapitado a vítima, além de ter cortado o pênis e removido o coração. A ação foi filmada pelos suspeitos e terminou sendo divulgada em redes sociais, e ajudou na captura.

A mulher, de 19 anos, está foragida. Foram apresentados outros quatro presos: Romário dos Santos Silva, 26, Eduardo Fernandes dos Santos, de 30 anos e os irmãos Ubirajara da Silva Santos, 26, e Brimax Silva Lisboa, 24. Todos foram presos nesse domingo (16).

O crime teria sido cometido, de acordo com os próprios suspeitos, porque Genaldo teria matado duas crianças enforcadas, mas até o momento, não há confirmação do crime.

TNH1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *