Funcionários da Record paralisam atividades por condições de trabalho

rede-record

Um grupo de funcionários da Record RS paralisaram suas atividades na segunda-feira (17), pois além do atraso no pagamento de salários, eles também reivindicam melhores condições de trabalho.

Em vídeo postado na internet, os 50 profissionais grevistas se dizem abandonados e reclamam da postura dos diretores, que priorizam a punição em detrimento ao diálogo.

Por conta da paralisação, as notícias do “Balanço Geral RS” foram ilustradas somente com vídeos amadores, enviados pelo Whatsapp, ou imagens das câmeras da Prefeitura. O apresentador Alexandre Mota trabalhou normalmente.

Conforme relata o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio Grande do Sul (Sindjors), os trabalhadores também pedem pagamento de periculosidade, mudança de registro de cinegrafista para repórter cinematográfico, contratação de funcionários da limpeza e marcação de férias com antecedência.

Aparentemente, os funcionários já voltaram as suas atividades, mas para o início da semana que vem está agendada uma reunião com a emissora para a negociação de melhores condições de trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *